14 de setembro de 2016

RESENHA: Crescendo - Becca Fitzpatrick (Hush Hush #2)

Crescendo - Becca Fitzpatrick

Interessante. O início é um verdadeiro martírio, o que me lembrou porque protelei tanto a leitura desse segundo livro da série. A mística da história e os enredos paralelos são muito mais interessantes que a parte principal.

Nora Grey é tão chata, infantil, egoísta, mimada, controladora, mandona e abusada que me revolta. Por vezes quis largar a leitura por conta dessa enjoada. Sério, a protagonista já era ruim, mas aqui fica insuportável. Confesso que desejei que ela morresse.

Patch é meio sem noção. Como um anjo pode ser tão paspalho eu não sei. Tudo bem que a descrição física do sujeito é de dar suspiros, e que ele tem os seus momentos, mas a única explicação para ele ter se apaixonado por ela e arriscar a própria existência para ficar junto dela é retardo mental.

Vee é uma pobre garota sem autoestima nenhuma. Ela passa o livro todo sendo motorista e empregada da dondoca da protagonista. Isso não é amizade é escravidão. E quando você acha que ela vai se dar bem, e começar a ter uma vida própria, dá merda. 

Scott foi mal aproveitado. Era um personagem que prometia e merecia mais coisas. Ele poderia ter se tornado uma figura mais imponente do que apenas mais um adolescente bobalhão que acaba fazendo o que a criatura quer. Não me conformo com o seu final.

Até Marcie é melhor que a Nora. Por mais de uma vez eu torci por ela em detrimento da protagonista. Ela sim tem personalidade e age mais de acordo com a idade (mesmo com a tendência a piranhagem) que Grey, que por vezes tem crises dignas de meninas de 11 anos.

Por que eu dei 4 estrelas em vez de -4 como a garota merece? Por causa dos outros personagens, dos plot twists que flertam com as novelas mexicanas, das cenas de ação, dos enredos paralelos e da promessa deixada pelo último capítulo. Se você tirar todas as passagens em que a Nora fica chorando e se fazendo de vítima, a história é ótima!

Definitivamente lerei o seguinte, não pela sonsa, mas pelos demais. Com um final digno de season finale da CW, eu preciso saber o restante da história. Não é uma leitura de todo ruim, dá para engrenar uma sentada longa, e ao contrário da grande maioria, nesse você torce pelo próximo infortúnio da rebelde sem causa.

Não tem nenhum livro não lido na estante, já leu o primeiro e achou esse na rua? Pode ler. Caso contrário, continue procurando na estante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário