7 de abril de 2016

RESENHA: The Best Goodbye - Abbi Glines (Rosemary Beach #12)

The Best Goodbye - Abbi Glines

Infelizmente mediano. Mesmo com um bom potencial devido ao plot e o personagem já conhecido e querido não atende as expectativas geradas pelo hiato.

River é irmão de Blaire e como todos os rapazes da saga, é irresistível. Ou ao menos era até então. Todas as vezes que ele apareceu nos livros anteriores me arrancou suspiros e me deixou curiosa com quem seria a mulher da vida dele. Mas aqui que finalmente chega a hora dele, faltou emoção.

Rose (ou Addy) é uma mulher meiga, baixinha, e com cara de menina. Ela conheceu River na adolescência, se apaixonou, mas foi obrigada a deixar seu lado e passou os 10 anos seguintes procurando-o. Nunca mais se envolveu com ninguém pois ainda ama River.

Acabou que os melhores capítulos são os flashbacks que os dois têm do passado juntos. Nenhum dos dois convenceu muito como casal apaixonado atualmente. Eu geralmente reclamo que os romances são relâmpago, que eles se apaixonam perdidamente em 2 dias. Mas aqui eu senti falta de sentimento. 

Se eles nutrem um sentimento forte um pelo outro desde os doze anos de idade, seria no mínimo esperado que houvesse faíscas voando a partir do reencontro. Mas não acontece. É muito forçado. E para piorar Addy tem uns ataques de ciúmes tão infantis que dá nos nervos. Já o Cap que tem o passado tão cheio de mistérios e perigos não "exala" tanto perigo assim.  Faltou testosterona. 

Apesar disso a leitura é rápida por conta dos capítulos curtos e há alguns momentos que parecem fluir e não permitem a desistência. Ao menos minha. Blaire, por incrível que pareça, foi importante para a peteca não cair. Suas aparições foram boas. Quem deu menos de 4 estrelas para os anteriores não termina esse. PS: o título do livro não faz sentido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário