26 de outubro de 2015

RESENHA: As Batidas Perdidas do Coração - Bianca Briones (Batidas Perdidas #1)

As Batidas Perdidas do Coração - Bianca Briones

Eu te amo, porra! Sem querer eu mergulhei nessa história de maneira irreversível. Sou refém dessa  autora que mal conheço mas já considero pacas.

Esse é um daqueles livros que valem a pena serem lidos antes mesmo de você saber do que se trata. Não ter lido a sinopse me fez amá-lo, se eu tivesse lido talvez tivesse postergado a leitura.

Vivi e Rafa são em tese o casal clássico dos romances New Adult. Cada um faz parte de um mundo e se não fosse pelas mazelas da vida nunca se encontrariam. Mas todo o resto é diferente. Eu nunca tinha me identificado com tanta coisa num livro só. 

Uma das coisas que mais gostei foi a 'trilha sonora'. Vivi tem a minha idade, literalmente, já que o livro começa com ela aos 18 anos em 2004 prestes a completar 19. Então as músicas que compõem a o início de cada capítulo são, em sua maioria, músicas que compuseram (e algumas ainda figuram) minha própria playlist na época. 

Ao ler os capítulos e relacioná-los á  letra da respectiva música o mergulho é muito maior e mais profundo. Evanescence, The Calling, Seether, Bon Jovi, 3 Doors Down e até Nickelback no finalzinho para colocar o último prego no caixão. Até Johnny Cash, teve seu lugar nos meus próprios CD's gravados. A lista deles é bem longa. Mas somos totalmente compatíveis. 

A maneira como Bianca aborda o luto, as drogas, a abstinência, o amor meteórico entre eles dois é tão bem feito que não importa se tudo se passou em alguns meses ou alguns anos. Faz sentido. A história de Vivi e Rafael não terminou aqui. Ainda há muita pedra para rolar, mas torço para que diferente de minha própria história, a deles tenha um desenrolar feliz.

Afinal, quando se ama COM PALAVRÃO é muito mais sério. 

PS:Optei por não falar sobre o enredo para não estragar para quem ainda não leu, espero que todos leiam. Corram, adquiram o seu. Aliás, esse eu li no LV, mas aceito um exemplar só para mim. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário