4 de outubro de 2015

RESENHA: Amante Finalmente - J. R. Ward (Irmandade da Adaga Negra #11)

 Amante Finalmente - J. R. Ward


Incrível! Apaixonante, eletrizante, intrigante e quantos outros antes. Nesse livro tem de tudo. Tem o romance, tem comédia, tem drama, tem suspense, tem ação. 

Qhuinn é demais. Perfeito em suas imperfeições. Um verdadeiro macho de valor. O livro dele não me decepcionou em nada. Adorei de verdade. Tudo o que acontece e como acontece foi ótimo. Blay é um fofo.

Eu estava receosa quanto à Layla e como isso iria atrapalhar o casal, mas tudo se encaixa. Torço para que ela de alguma maneira encontre uma  maneira de ficar com quem ela quer. Ela merece um romance arrebatador agora que a conheço melhor. 

Assail é outro personagem que representa uma bela adição à história, no início achei que ele seria um empecilho para as intenções da Irmandade, mas agora quero que ele se alie a eles devidamente. Pois eu já gamei no cara.

Os bastardos continuam sendo um enigma para mim. Prevejo muita merda à frente. Aliás, a história está ficando cada vez mais complexa. Que universo incrível. Os redutores, o plot Sola x Assail, os bastardos, o drama paralelo dos Sombras, a possibilidade de mais guerreiros se juntarem a irmandade,  relação Romeu e Julieta de Layla... são tantas coisas em aberto.

Tanto que estou que nem uma louca tentando descobrir quantos livros vão ser. Tem muito chão ainda nessa história. Ai Jesus. Quando comecei a ler achei que seria apenas uma série sobre vampiros gostosões encontrando suas almas gêmeas. Mas honestamente, esse não é o motivo principal de eu continuar lendo. Claro, me afeiçoei aos meninos e adoro vê-los encontrando o amor, mas todas as intrigas políticas, as rivalidades sem fim, sociedades paralelas me prendem mais aos livros. PRECISO LER O REI já.

2 comentários:

  1. Lynne, nunca li nenhum da J.R.Ward. tenho o Amante Sombrio físico na minha estante, mas ainda não dei chance à ele.
    A quantidade de livros assusta, mas todo mundo que conheço é apaixonada pela série!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São muitos e grandes mas é tão boa a leitura que é mais fácil você ter que se forçar a parar de ler do que o contrário. O primeiro pode ser 'estranho' por conta de todas as novidades, mas depois é uma delícia.

      Excluir