11 de agosto de 2015

RESENHA: Em Chamas - Suzanne Collins (Jogos Vorazes #2)

Em Chamas - Suzanne Collins

Corram para as colinas! Não sei como consegui ficar tanto tempo sem spoilers. Li o primeiro a tanto tempo e nunca conseguia trocano skoob por 1 ponto, ou um epub decente. Mas me mantive forte e longe do filme também. Valeu a pena.

Amei. Apesar do início ser um pouco desgastante ele se mostra necessário. É incrível como um livro pode conter tanta ação em tão poucas páginas. Levando em consideração que quase metade dele se passa antes da Arena. A única coisa que eu sabia de antemão era que ela voltava a ser tributo, mas toda a conjuntura foi uma surpresa. 

Eu desconfiava das revoltas por conta de prints das cenas do filme e um outro quote que eu vi pela internet, mas me surpreendi mesmo com a maneira como a ação se desenvolve. Isso é bom. Tanto que passei as últimas 4 horas devorando do 75% que faltavam de leitura. 

Katniss continua fantástica. Peeta continua digno de pena, mesmo provando sua capacidade de convencer uma caravana do deserto a comprar areia. Não sei porque mas ele não e convence. Gale continua arrancando suspiros. Haymich está mais foda que de costume.

Quanto aos outros tributos não teve nenhum em especial que eu torcesse ou que tenha ficado triste com a morte como foi com a Rue no primeiro. Mas gostei da interação que rolou entre eles nos jogos. O cenário ser totalmente diferente do anterior também ajuda. Achei o máximo o esquema do relógio.

Só sei que preciso do filme para ontem enquanto está tudo fresquinho na minha cabeça. Tem algumas partes que fiquei realmente animada e ansiosa para ver como eles fariam. Além das mudanças que teve no primeiro em relação ao livro e como eles vão manter essas mudanças sem cagar o enredo do segundo. Medo define. 

Só senti falta de uma narrativa dos levantes e revoltas enquanto os jogos rolavam. Sei que não cabia dentro da linha de raciocínio do livro, mas se tivesse um conto ou um livro .5 contando como o distrito 12 vem abaixo seria ótimo. Fiquei muito curiosa, principalmente para saber como o Gale conseguiu tirar as famílias dele e da Kat de lá.

Nem preciso dizer que vou caçar o 3 para já, não é... Definitivamente, essa foi uma continuação que conseguiu não só manter o nível do primeiro livro como subiu ele um cadinho. O próximo será lido com vontade e sem medo de desastre.

Nenhum comentário:

Postar um comentário