24 de agosto de 2015

RESENHA: Amante da Fantasia - Sherrilyn Kenyon (The Entire Dark-Hunterverse #1)


DESAFIO LITERÁRIO DO SKOOB
Mitologia e Folclore - 08/12

Amante da Fantasia - Sherrilyn Kenyon

Diferente. No início me senti incomodada, parecia que ia ser mais um livro onde sexo predomina e nada mais acontece. Sem contar a capa que traz um cara de corpo relativamente mediano e cabelos escuros e nosso protagonista é louro e com um corpo a la Arnold Schwarzenegger na era fisioculturista. Só fluiu quando resolvi imaginá-lo do meu jeito.

Adorei a maneira como a autora trabalhou a mitologia grega de maneira bem convincente e agradável. Os personagens mitológicos vão entrando na história de forma natural. 

Julian da Macedônia e Grace Alexander formam um casal improvável mas que funciona devido suas personalidades e pontos fortes e fracos que se complementam. A única coisa que ambos tem em comum é que tem medo de não acharem o amor e de sempre serem usados.

O cenário ajuda. Nova Orleans é o lugar perfeito (dentro dos EUA) para ambientar uma história tão cheia de magia. Maldições, encantos, sacerdotisas e porque não deuses. Entre os personagens coadjuvantes gostei muito de Selena, a amiga de Grace e de Kyrian da Trácia, que aparece através da memória de Julian. Eros também é divertido.

Julian é filho de Afrodite com um mortal, o que explica o motivo de as mulheres gravitarem em torno dele sem nem entenderem o motivo. Grace é uma terapeuta sexual com problemas de autoestima graves. Eu quase fiquei com pena de Julian, mas ao ler sobre como ele chegou a ser amaldiçoado, a pena foi embora. Uma bela alegoria de como somos responsáveis por nossos atos e da reação em cadeia que a vingança gera.

Minha parte preferida é o final. Todos os acontecimentos que levam à quebra da maldição, as aparições de Afrodite e Atena (com diálogos hilários) e prólogo fofo garantiram que eu não conseguisse tirar os olhos das páginas até terminar. Foi bom o suficiente para me fazer querer ler mais da autora.

Um comentário:

  1. Oi Evelyn,
    Bom, dizer que Julian é uma das minhas paixões literárias é pouco.
    Adoro os livros dessa autora e a série que começa depois desse.
    Uma pena ela não ter sido continuada no Brasil.
    Juro que até hoje, nas noites de lua, ainda chamo Julian da Macedonia, Julia da Macedonia, Julian da Macedonia.
    Vai que um dia ele aparece né?
    bjs
    Luana
    www.blogmundodetinta.blogspot.com

    ResponderExcluir