28 de janeiro de 2015

RESENHA: Lições de Desejo - Madeline Hunter (Os Rothwells #2)


Lições de Desejo - Madeline Hunter (Os Rothwells #2)


Esse é o primeiro livro que leio em pt-pt desde que me recordo. Nunca tive paciência para isso, é meio irritante para a minha pessoa essa versão da Língua Portuguesa, e creio que isso tenha interferido na minha reação geral à história. É fato de que gostei, caso contrário não teria terminado, mas talvez de fosse em pt-br ou inglês eu tivesse gostado mais.

O enredo em si é muito bom. A troca de cenários ajuda, a riqueza de detalhes acerca dos lugares visitados é com certeza benéfica. Os personagens me trouxeram reações dúbias durante a leitura. A donzela da vez (que não é tão donzela assim), Phaedra Blair me fez detestá-la em alguns momentos. Menina cabeça-dura. A príncipio eu gostei bastante da maneira como ela levava a vida dela, de forma independente. 

Mas isso muda com o passar das páginas, pois ela passa a ter atitudes inconsequentes e imaturas. Como quando ela acaba ficando presa na torre de uma das cidades que visita com Elliot. Ela já tinha tido um vislumbre de como a cidade a encarava, e que as recomendações de Elliot não eram puramente machistas. Ela deveria ter ficado na casa, ou sido mais esperta e arrumado alguém para ir com ela.

Elliot Rothwell. Minha reação à ele foi totalmente oposta a dela, quanto mais o livro avançava mais me encantava com ele. Sim, ele começou as coisas de forma impetuosa, conquistadora, machista e controladora, um exemplo fiel dos espécimes mais perigosos da época. Mas aos poucos, ele percebe que não conseguirá nada como ela agindo de maneira toscamente tradicional. Ele então adapta de forma inteligente suas investidas. 

Claro que essa é a receita para uma paixão avassaladora, quanto mais ela luta contra esse sentimento que a atrai para ele, mais ela se perde. Ela passa tanto tempo tentando provar (mais para si mesma que para os demais) que tem total controle de si mesma e de suas reações e sentimentos que quando ela se dá conta se apaixonou. Uma mulher na posição dela, teria pressentido o 'perigo' e daria um basta, apesar da vontade de fazê-lo. Ela brincou com fogo e se queimou.

O plot paralelo que gira em torno das memórias do pai dela foi muito bem desenvolvido e explorado. Sendo bem aproveitado de maneira a instigar o leitor a querer saber o desfecho daquele problema tanto quanto o que aconteceria com esse casal esquisito. Esquisito pois acabei gostando mais dele do que dela e preferia sinceramente ele com outra pessoa (não que houvesse essa opção na história.).

Senti falta de um gancho para o próximo livro. Mas não que isso seja algo ruim. É mais uma preferência minha em séries sobre irmãos/irmãs. Buscando informações acerca do livro 3 eu vi que não é sobre o Christian, o irmão que falta. fiquei perdida. Mas curiosa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário